Tipos de Marmita: qual a ideal?

Tipos de Marmita: qual a ideal?

Pode parecer algo bobo, mas o momento de decidir tipos de marmita pode fazer toda diferença na experiência do seu cliente. 

Neste artigo, você irá conferir:

  • Importância de escolher a marmita certa.
  • Os diferentes tipos de marmita.
  • Dicas para escolher a melhor embalagem para marmitex

Tempo de leitura: 4 min

Importância de escolher tipos de marmita certa

Com uma rotina apertada e atribulada no dia a dia das pessoas, o tempo de cozinhar fica cada vez mais escasso. Até mesmo ao longo da pandemia, o crescimento de pedidos por aplicativo teve um aumento.

Mas o que acontece quando a marmita não é ideal para o alimento que está sendo transportado?

As embalagens servem para proteção e conservação dos alimentos, no entanto, é importante perceber que existem diferentes tipos, pois cada uma delas possui sua própria função. Entender isso é o primeiro passo para escolher a marmita certa para os seus produtos.

Conheça os diferentes tipos de marmita

Marmita de Alumínio

Tradicional e de custo baixo, ideal para entregas de curta distância, pois uma das suas desvantagens é a impossibilidade de conservar o alimento por muito tempo.

Marmita de Isopor

Apesar do custo ser mais elevado, as embalagens possuem a capacidade de conversar a temperatura dos alimentos por mais tempo. Recomenda-se sua utilização para entregas de longa distância.

Marmita de Plástico

Ideias para alimentos congelados, a marmita de plástico pode ser uma ótima opção para alimentos que vão ser levados ao micro-ondas, sendo fundamental verificar se o triângulo com número 5, informando que este material não libera toxinas.

Dicas para escolher a melhor embalagem para marmitex

Além de conhecer os diferentes tipos de materiais, outros pontos são essenciais para acertar na escolha da marmita, veja abaixo:

  • Tamanho ideal: é importante definir o tamanho certo das marmitas que vão ser utilizadas. Por exemplo: será para uma ou mais pessoas?
  • Temperatura: existem materiais que não suportam temperaturas altas ou que não servem para manter o calor. Por isso, é essencial observar a temperatura dos alimentos.
  • Bons fornecedores: faça parceria com bons fornecedores e avalie as propostas de preço e qualidade das embalagens.

Após conhecer os diferentes tipos de materiais e nossas dicas para acertar na escolha, ficou mais fácil para você!

Se deseja ter em mãos as nossas dicas, você pode clicar aqui e baixar nosso infográfico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *